Censura Eleitoral: Governo Oculta Vídeo de Lula Apoiando Boulos em Celebração do 1º de Maio

Censura Eleitoral: Governo Oculta Vídeo de Lula Apoiando Boulos em Celebração do 1º de Maio
O governo tomou a decisão de excluir de suas redes sociais oficiais a transmissão do evento realizado em São Paulo no Dia do Trabalhador, em 1º de Maio. A ação ocorreu após o presidente Lula e o deputado federal Guilherme Boulos (PSOL), pré-candidato à Prefeitura de São Paulo, cometerem um flagrante crime eleitoral ao fazerem campanha e solicitarem votos para Boulos durante o evento.

O vídeo, anteriormente disponível no perfil oficial do governo no YouTube, CanalGov, foi removido de forma inesperada.

Durante seu discurso perante as centrais sindicais, Lula convidou Boulos a se juntar a ele, elogiando-o e pedindo apoio para sua candidatura nas eleições municipais de outubro. O ex-presidente enfatizou que Boulos enfrenta uma disputa acirrada com "três concorrentes": o ex-presidente Jair Bolsonaro, o governador Tarcísio de Freitas e o prefeito Ricardo Nunes.

"Ninguém conseguirá derrotar esse jovem se vocês votarem em Boulos para prefeito de São Paulo nas próximas eleições. Faço um apelo: cada pessoa que votou em Lula em 1989, 1994, 1998, 2006, 2010 e 2022 deve votar em Boulos para prefeito de São Paulo", disse Lula ao lado do ex-coordenador do MTST.
Voltar para o blog

Deixe um comentário

1 de 4