Moraes Recebe Mais de 1,5 Mil Processos Relacionados aos Atos de 8/1

Moraes Recebe Mais de 1,5 Mil Processos Relacionados aos Atos de 8/1
Os eventos ocorridos em 8 de janeiro do ano passado geraram uma carga substancial de trabalho para o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo um relatório divulgado pelo gabinete do ministro em comemoração aos seus sete anos na Suprema Corte, Moraes recebeu um total de 1.516 processos relacionados aos acontecimentos.

Dentro desse montante, 1.444 processos ainda estão em andamento, evidenciando a complexidade e o alcance das investigações em curso. Em suas decisões até o momento, o ministro emitiu um total impressionante de 8.061 despachos relacionados ao caso.

Além disso, o relatório destaca a autorização de Moraes para 285 pedidos de busca e apreensão, abrangendo mais de 450 endereços ligados aos acusados dos eventos de 8 de janeiro. Entre as medidas investigativas estão também 360 quebras de sigilo bancário ou telemático, evidenciando o rigor das diligências em curso.

Em decorrência dos eventos, houve um total de 1.645 prisões determinadas, das quais 1.557 resultaram em decisões de liberdade provisória, sujeitas a medidas cautelares como o uso de tornozeleira eletrônica e a restrição do uso das redes sociais. No entanto, ainda permanecem 88 pessoas detidas, com 13 já condenadas, 42 com denúncia recebida e 33 com inquéritos em andamento.

Até o recente julgamento dos casos relacionados aos eventos de 8 de janeiro, encerrado em 12 de abril, um total de 196 pessoas já foram condenadas. As penas incluem prisão, com sentenças que chegam a até 17 anos, e o pagamento solidário de indenização por danos morais coletivos, estipulado em um valor mínimo de R$ 30 milhões para ser pago por todos os condenados.
Voltar para o blog

Deixe um comentário

1 de 4