Pressão sobre Pacheco: Senador Exige Ação Diante dos 'Abusos' de Moraes

Pressão sobre Pacheco: Senador Exige Ação Diante dos 'Abusos' de Moraes
O senador Eduardo Girão (Novo-CE) instou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, a interceder junto ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre Moraes, para garantir que os senadores possam visitar o que ele chamou de "presos políticos".

Girão destacou o caso do ex-assessor especial do presidente Jair Bolsonaro, Filipe Martins, como exemplo dos supostos "abusos" cometidos por Moraes à frente de inquéritos no STF.

O senador relatou que Martins foi preso durante a Operação Tempus Veritatis, em fevereiro, e que sua prisão foi cercada de irregularidades, incluindo a falta de comunicação aos advogados sobre sua transferência para o Complexo Penal de Pinhais, no Paraná.

Ele criticou o procedimento adotado, destacando que a transferência não seguiu os protocolos padrão e foi realizada sem notificação prévia aos advogados e familiares de Martins.

Girão enfatizou que desde o início do Inquérito das Fake News, tem havido um desgaste progressivo do Estado democrático de direito e uma série de "arbitrariedades" cometidas.

O senador expressou preocupação com o suposto padrão de conduta de Moraes, destacando sua interferência sem precedentes e o aparente uso exclusivo de recursos da Polícia Federal, sem submeter-se à direção geral da instituição.

Ele concluiu alertando que o Brasil está passando por um período de instabilidade e que esses eventos estão sendo observados atentamente pelo mundo.
Voltar para o blog

Deixe um comentário

1 de 4